Vamos ajudar a Menina com Câncer!

EXEMPLO DE E-MAIL FRAIDULENTO.

Vamos ajudar a Menina com Câncer!

Mensagem recebida em janeiro de 2002.
Amigos
Este e-mail veio do Grupo de Solidariedade do Hospital Albert Einstein. Implica no dispêndio de um pouco de tempo e não custara nem um centavo.
Tudo o que precisa e de um pouco de coração….
POR FAVOR, envie este e-mail para todos aqueles que conhece.
Este e o pedido de uma garotinha e brevemente deixara este mundo, pois ela tem sido vitima de uma terrível doença: o CÂNCER.
Obrigado pelo seu esforço. Esta não e somente “carta corrente” (corrente de solidariedade), mas uma escolha de salvar esta garotinha que esta morrendo de uma seria e fatal forma de câncer. Esta garotinha só tem mais 6 meses de vida e como seu ultimo desejo, ela (família) quer enviar uma “carta corrente” para dizer a todos que vivam plenamente as suas vidas, já que ela nunca terá oportunidade para o fazer. Ela nunca chegara ao baile de formatura, nunca se formara no segundo grau, nunca casara ou constituir uma família. Ao enviar este e-mail ao maior numero de pessoas possível, estará dando a ela e a sua família uma réstia de esperança, porque a Associação Americana Contra o Câncer doara, para o seu tratamento, 3 centavos para cada nome desta corrente.
Se, apenas uma pessoa conseguiu enviar este e-mail a outras 500 pessoas, então, eu sei que cada um de nos poderá enviar para, pelo menos, 5 ou 6 pessoas.
E, se somos tão egoístas que não possamos gastar 10-15 minutos escrevendo/digitando (ou copiando e colando e enviando este e-mail), então e porque somos nos as pessoas “doentes”. Pensem apenas que um dia poderão estar no lugar desta garotinha. Lembrem-se que o que precisam dar não e dinheiro, mas somente um pouco do seu tempo.
POR FAVOR, PASSEM ESTA MENSAGEM !!!
Dr. Dennis Shields
Professor Department of Developmental and Molecular Biology Albert Einstein College of Medicine of Yeshiva University 1300, Morris Park Avenue, Bronx, New York 1046
Phone 718-430-3306 (LC 9:24)
“Porque, quem quiser salvar a sua vida sem mim, perde-la-a, mas quem sacrificar a sua vida por amor de mim, salva-la-a.”
Gratos.”
………………….
Uma prova que o e-mail é falso.
O tal grupo de solidariedade não existe. Também a corrente não diz de qual dos Hospitais Albet Einstein parte esse tal “grupo”. Hospitais Albert Einstein em várias cidades, inclusive nos EUA. Existe uma advertência oficial do próprio hospital em relação a esses boatos, o endereço é www.einstein.br/alerta.htm.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *